Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




As árvores

por Nuno Saraiva, em 12.12.10

Tenho pena que alguns dos plátanos que estão em frente à Adega sejam abatidos.

 

Desde sempre (como é óbvio) que me lembro de os ver ali. Primeiro quando ia ao médico, onde era o posto público, que se chamava na altura "casa do povo", depois quando ia a pé para a praia, quando dava os meus primeiros passeios de carro para ir "ver o mar", quando ia para a praia de autocarro, etc. etc.

 

Mas, tudo nasce, vive e morre, e temos de ser pragmáticos. Se um árvore põe em risco a saúde e a vida de pessoas, e ainda por cima, com os bancos, aquela zona tem muito movimento diariamente, o problema tem de ser resolvido. Parece que em alguns casos, dá para podar, outros tem de se abater.

 

Ficam na memória de cada um, nas fotos, nos desenhos e pinturas.

 

A vida é assim.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:06

Maravilhas Naturais

por Nuno Saraiva, em 07.09.10

Uma dúvida assaltou-me nesta votação. E tem a ver com as florestas e matas. Por mim votava nas três.

 

Por um lado não conheço a laurissilva, mas é uma floresta raríssima no mundo, deve ser considerada uma maravilha (no fundo acho que é a que vai ganhar).

 

O Buçaco, costumo dizer que é o único sítio que conheço mais verde que Sintra.

 

Como vivo em plena serra de Sintra, tenho medo de estar a desvalorizar Sintra, por me parecer banal.

 

Por outro lado há um certo dever de cidadania, elevar a terra de onde somos.

 

Por isso, votei em Sintra, ainda que com um peso na consciência, tentado imaginar se Sintra estaria na lista se não tivesse palácios.

 

Mesmo sabendo que acho a flora do Buçaco mais bonita e a Laurissilva mais importante. Viva Sintra.

 

De resto votei:

Vale glaciar do Zêzere/Estrela

Grutas de Mira de Aire

Portinho da Arrábida

Berlengas

Vale do Douro

Peneda Gerês

 

 

Faltam cinco horas

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 17:53

Colares e o caso Rosalina.

por Nuno Saraiva, em 02.09.10

Colares e o caso Rosalina. No SOL on-line

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:28

O nevoeiro voltou em força à Praia Grande, e, após o check-in agendado para as 07h30 de hoje, ainda foi concluído o primeiro round Feminino, com a portuguesa Teresa Almeida a seguir em frente depois de um heat bastante disputado – já ontem, antes do fecho do dia, também Anita Lino tinha-se apurado para a fase seguinte, enquanto Madalena Pereira acabou por ser eliminada quando todos esperavam que conquistasse a sua bateria, da qual saíram vitoriosas a luso-alemã Joana Schenker e Nicole Fleming, da Alemanha.

O curto período matinal sem nevoeiro também tornou possível a concretização de uma bateria Masculina, mas foi sol de pouca dura, pois logo a seguir a neblina intensa regressou e a organização decidiu uma vez mais interromper a prova.

Aguarda-se, portanto, que as condições atmosféricas se alterem para que o Sintra Portugal Pro 2010 prossiga, pois as ondas estão ideais para surfar.

Com um prize money total de $60 000 (mais $5000 para o Dropknee), esta prova continua a ser a mais premiada e concorrida de todo o Circuito Mundial de Bodyboard.

Importa ainda salientar que esta que é a 5ª etapa do Mundial de Bodyboard de 2010 integra desde 2009 o circuito Grand Slam, competição paralela criada pela IBA – International Bodyboarding Association (www.ibatour.com) que contribui com maior pontuação para o ranking e à qual apenas ascendem provas consideradas de destaque em termos de qualidade das ondas, excelência da organização, prize money e relevância histórica.

O Sintra Portugal Pro 2010, que vale 2000 pontos para a categoria Masculina e 1500 para  Feminina, tem como prime sponsors a Câmara Municipal de Sintra, o Turismo de Portugal, o Turismo de Lisboa, o Instituto do Desporto de Portugal e a Sumol, contanto ainda com os apoios da Associação Portuguesa de Bodyboard, da International Bodyboard Association, da WaterX e da Eastpak.

Os media partners são a MEGA FM, a RTP, a Ride It e a OceanLook.

 

Aqui (metro news)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 20:09

Os pins, Colares e o doador

por Nuno Saraiva, em 06.08.10

Isto é que é espalhar a imagem de Colares e Sintra para bem longe. Pins de Colares. Pins de Sintra.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 12:23

Festas de Colares

por Nuno Saraiva, em 05.08.10

Este ano as festas em honra de Nossa Senhora da Assunção são não só no fim-de-semana de 13 a 15 de Agosto, mas também dias 3, 4 e 5 de Setembro. (Brevemente aparecerá por aí um cartaz (espero)).

 

Dia 29 de Agosto é o dia da Procissão da Praia das Maçãs. Pode recordar o que aconteceu o ano passado aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:34

Colares e a vida das pessoas

por Nuno Saraiva, em 03.08.10

«O clima aqui em Colares tem-se acertado com a convalescença da Maria João. Passou um ano que durou muitos anos, com dias que duraram anos. Mas passou. Chegámos ao lugar onde estávamos com tudo o que tínhamos - muito mais do que tínhamos - menos o cancro. Nunca fiando, mas confiando e sabendo como desconfiar. Bom mês de Julho. Bom dia, meu amor.»

 

Miguel Esteves Cardoso, no Público, visto na Lux.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:41

Esta noite…

por Nuno Saraiva, em 02.07.10

Esta noite, algures em Estocolmo, Suécia, alguém vai beber um vinho de Colares mais velho do que….  o meu pai.

 

1949 Colares

 

 

Às vezes tem-se sorte e então ele pode ser realmente bom. Noutras ocasiões não se tem, e o vinho é, bem - para dizer o mínimo – ácido tânico brutal num fato de tinto. Mas que se envergonhem aqueles que desistem – Tenhas tu encontrado apenas um ou dois Colares antigo em boa forma, e estás preso a Colares, e  de cada vez que te deparas com um, os teus olhos vão brilhar! Colares pode ser uma emoção para beber - e é definitivamente uma das curiosidades que ainda podemos desfrutar!

Já passou algum tempo desde que abrimos o último Colares antigo. Provavelmente não teria mais nenhuma evolução no sentido positivo e por isso chegou a sua hora. Esta noite, Um Samora Tinto de 1949, de Joaquim dos Santos está à espera do seu destino. Pusemo-lo na posição vertical, de manhã, para o pé assentar. O Nível é excelente para a sua idade e a cor parece um vermelho rubi apaixonante.

Espero que tenho ficado mais do que ácido ramisco.

Não consegui encontrar o nome do produtor em nenhuma bibliografia. Se alguém conhece o nome teria todo o gosto em por aqui mais informação sobre o produtor.

 

 

 

 

 

Caso contrário farei um esforço para encontrar um exemplar do livro “O vinho de Colares” de 1938 escrito por Raúl Esteves e editado pela adega local.

 

 

 

Um texto encontrado hoje no blog Portuguese Wine.

 

Tradução, uma adaptação minha. Desconfio que tannins seja algum vocábulo específico do vinho, mas só encontro tradução como tanino, ácido tânico.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:29

Parabéns Filipe Pinto da Costa Santos

por Nuno Saraiva, em 29.06.10

Quero, em meu nome pessoal, apresentar os parabéns, a Filipe Pinto da Costa Santos, que hoje será homenageado às 18.00 com a medalha de mérito municipal Grau Ouro.

 

Que todos possamos dar tanto à cultura como tem dado Filipe Santos.

 

Parabéns.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:47

Ainda Chove?

por Nuno Saraiva, em 29.06.10

Saio Segunda de Manhã a chover.

 

Chego a Cascais com Sol

 

Chego a Lisboa com Sol

 

Chego à noite quase a chover.

 

Saio Terça a chover

 

Chego a Cascais com Sol

 

Saio de Cascais com 30º

 

Está a chover aí, na zona twilight ?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:34


Mais sobre mim

foto do autor








Comunique e envie os seus comentários, o que gostou, o que acha que está mal, etc.


Colares, blog da semana!

Muzicons.com





Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

subscrever feeds