Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Banda dos Bombeiros Voluntários de Colares
119ºAniversário
1 de Novembro
Dia do Aniversário - feriado - 2ª feira

09h30 - Desfile da Banda cumprimentando Associados, Entidades e Colectividades
12h00 - Missa por intenção dos Fundadores, Directores, Sócios e Músicos falecidos com a participação de um Grupo de Músicos da Banda dos Bombeiros Voluntários de Colares
16h30 - Concerto pelo Coro ARdeCORO
            (dirigido pelo Maestro Pedro d’Orey)
17h30 - Concerto pela Banda dos Bombeiros Voluntários de Colares
            (dirigido pelo Maestro Fernando Cosme Moreira)
          Entrega de diplomas a Músicos com início de actividade
 Condecoração a Músicos por anos de serviço
NOTA: Os Concertos do Coro e da Banda serão na Sede dos Bombeiros de Colares

 

14 de Novembro - Domingo

Passeio Pedestre - Faça Chuva ou Faça Sol
09h00 - CONCENTRAÇÃO no Largo da Igreja de Colares
Colares / Convento dos Capuchos / Colares
Sócios - 3 BOTAS / Não Sócios 5 BOTAS

 

28 de Novembro - Domingo

13h00  - Almoço de Encerramento da Comemoração do 119º Aniversário
12 COLH€R€S
Inscrições para o Almoço até 25 de Novembro
na Drogaria José Gomes em Colares (21 929 00 75) e Sara Regueira Jorge no Mucifal (21 928 22 03)
NOTA: O Almoço terá lugar na Sede dos Bombeiros de Colares


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:46

As nossas referências...

por NunoCosmeMoreira, em 28.10.10

As nossas referências estão fisicamente a desaparecer. Agora foi David Tomás que nos deixou.
O senhor David era um Homem que não precisava de levantar a voz para que a sua palavra fosse ouvida. Foi uma pessoa que esteve presente na nossa comunidade e fez crescer a sua, nossa, terra, ao nível empresarial, cultural, desportivo e humanitário.
Tive um contacto mais próximo com o senhor David na Orquestra Regional de Colares, onde sempre com um sorriso nos lábios fazia com que tudo parecesse fácil e exequível.
Já anteriormente sobre o senhor António Caruna eu disse que era, muito, merecedor que fosse homenageado dando o seu nome a uma rua de Colares. David Tomás sendo também um exemplo pelo caminho que percorreu e que levou os outros a percorrer merece, na minha opinião, ser lembrado dando o seu nome a um espaço no Mucifal que tanto amava.
Temos de ter memória, o exemplo dos Homens Bons de Colares não podem ser esquecidos. Merecem ser lembrados.

 

Foto: Vitalino Cara D'Anjo

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:48

O Núcleo Sportinguista de Almoçageme, vai comemorar no dia 30 de Outubro o seu 18º. Aniversário.
Do brilhante evento faz parte um jantar comemorativo na toca do Júlio, com o seguinte programa:
Entrega da 12º Edição do Prémio Jornal Sporting a José Lima Treinador do futebol júnior e antigo jogador Francisco António Galinho Caló
Antigo jogador de futebol do Sporting José Manuel Torcato Academia do Sporting
Estarão presentes antigos e actuais Atletas do Sporting de várias modalidades que muitas alegrias deram aos sócios e adeptos.
No jantar vão estar presentes várias personalidades ligado ao Sporting, ao poder local e será ainda abrilhantado por ilustres Sportinguista do Mundo do Espectáculo.
Rão Kyao
Maria José Valério
Ana Rita
Guitarra Portuguesa
Manuel Domingos
Ricardo Gonçalves
Viola
João Machado
Direcção Artística e Apresentação
Chico Dias

Retirado do: freguesiacolares.blogspot.com

O blog Colares deseja as maiores felicidades ao Núcleo Sportinguista de Almoçageme

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:08

Fui um dos alunos que participaram no "Centenário da República". Como já devem saber, a partida deu-se na Praia das Maçãs, junto à ermida mandada construir por Alfredo Keil (compositor do Hino Nacional).
Os alunos do 5º ano começaram a corrida de estafeta vestidos de "ardinas" e foram sucessivamente dando lugar aos alunos do 6º, 7º, 8º e, por último,  9º ano. Como eu ando no 8º, tive a sorte de aparecer na foto do jornal  "Diário de Noticias", juntamente com colegas meus.
Quando fiquei mesmo surpreendido, foi à chegada à Escola B. 2, 3 de Colares, sede do Agrupamento, onde nos esperavam alunos, professores, funcionários e ilustres convidados representantes da Junta de Colares, da Câmara de Sintra e do Ministério da Educação.  Todas estas pessoas enchiam o pátio a apoiar-nos e, nesse momento, senti-me embaraçado porque nunca esperei aquela recepção.
Quando entrámos na escola, os alunos do 1º ciclo juntaram-se a nós. Foi então que fomos dar uma volta à escola após o que nos reunimos junto da entrada, ladeando a escada onde eu fiquei logo no cimo. Aí gritei três vezes "República, República, República", todo envergonhado, com os meus colegas correspondendo de seguida com "República".
De seguida, passámos os testemunhos aos alunos do 1º ciclo, que foram passando por sua vez a cópia da 1ª página do Diário de Notícias de 5 de Outubro de 1910, aos alunos, professores, funcionários e convidados. Nessa altura deu para perceber que, se não tivesse havido a Implantação da República, eu poderia estar a trabalhar em vez de estar na escola, e que talvez nem soubesse escrever, nem ler.
Para terminar, só queria agradecer  aos responsáveis pela comemoração do Centenário da República do Agrupamento de Escolas da Região de Colares por nos terem dado esta oportunidade de participar nos festejos do Agrupamento.

Por  André Coelho, 8º B

Ver texto e imagens no chaodeareia.agcolares.org

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:00

O Rally de Portugal Histórico vai passar por Sintra na noite de 15 para 16 de Outubro. Esta prova recorda alguns dos locais míticos da competição, onde público pode apreciar máquinas dos anos 60 e 70. Este ano participam 110 concorrentes, dos quais 80 por cento são estrangeiros. Renault, Fiat Spyder, Lancia Fulvia, Ford Escort, BMW, Mercedes 450 SLC e, claro, os Mini Cooper estão entre as bombas que vão fazer as delícias de um público apaixonado, tripulados por alguns dos nomes que mais se distinguem entre nós, quer nacionais, quer estrangeiros.
Numa prova de regularidade histórica e onde, por isso mesmo, o que está em evidência é a capacidade de cumprir as médias previamente determinadas, o que os espectadores vão poder admirar será um conjunto invulgar de clássicos que participam no rali. A prova em Sintra começa dia 15, pelas 22h00, e termina a 16 de Outubro, às 1h30.

 ITENERÁRIO:
- Estrada Nacional 9-1 entre a Lagoa Azul (portão da Penha Longa) e o cruzamento para a Estrada Florestal da Peninha;
- Estrada Florestal da Peninha desde o cruzamento com a EN 9-1 até ao cruzamento com a EN 247 (Azóia);
- EN 247 entre a Azóia e o Pé da Serra;
- EN 247-3 entre o Pé da Serra e o Largo do Vítor (final da antiga Rampa da Pena);
- Largo do Vítor até ao Ramalhão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:35

Passeio BTT

por NunoCosmeMoreira, em 14.10.10

A Sociedade Recreativa e Musical de Almoçageme, vai organizar no próximo domingo dia 17, o 1º. Passeio BTT “Entre A Serra e o Mar”.

Percursos de 30 e 50 km – Concentração em frente à SRMA.

A Inscrição inclui:
· Passeio
· Seguro
· Abastecimento
· Lavagem de bicicleta
· T-shirt

Preço
Com almoço 15 rodas
Sem almoço 10 rodas
Acompanhantes 10 rodas

Inscrições
srmalmocageme@hotmail.com
fax 219280341 – 962749375
Inscrições Limitadas

Retirado do: freguesiacolares.blogspot.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:44

As Bandas, à espera de se formar uma Banda, enquanto as charretes, outro ex-libris de Sintra, passam.
Os Mestres das Bandas presentes, com os músicos como pano de fundo.
Já depois de se tocar o Hino Nacional, às portas do edifício sede da Câmara Municipal de Sintra, agora já a caminho do Palácio da Vila.
Em frente ao Museu do Brinquedo, esta aventura correu bem, mas não foi brincadeira.
Por fim a foto de família.

 

 

 

 

No dia 5 de Outubro, de 2010, aquando do Centenário da Proclamação da República Portuguesa, as Bandas Filarmónicas do Concelho de Sintra quiseram associar-se a esta efeméride resultando daí uma festa com a grandiosidade que a data merecia, contando-se entre elas as da Freguesia de Colares, nomeadamente as Bandas de Almoçageme, Colares e Mucifal. 
Por motivos diversos, houve músicos das várias Bandas que não puderam estar presentes. De qualquer forma é possível ver acima as centenas de filarmónicos que deram o seu contributo para que tudo corresse da melhor forma, o que confirma a força da filarmonia do concelho de Sintra.
Este ano foi levado a efeito a organização do IV Encontro de Bandas Filarmónicas do Concelho de Sintra, em anos consecutivos, no próximo ano, está prevista ser a Banda de Colares, a organizar este Festival, integrado na comemoração do seu 120º Aniversário. 
A força da filarmonia resulta da união de vontades que é uma forte força.
Assim seja reconhecida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:24

Ribeira de Colares

por NunoCosmeMoreira, em 06.10.10

De entre as bacias hidrográficas do concelho destaca-se a da ribeira de Colares, com uma área de 50,01 km2. Tem como principais sub-bacias a de Mucifal-Nafarros (a demaior risco de cheia); Várzea; Cabriz; Urca; Fontes; Mosqueiros e Tapada do Mouco. A Ribeira de Colares, principal curso de água da bacia, tem 14,3 km de comprimento, estendendo-se desde Chão de Meninos (a norte da Serra de Sintra, onde nasce, a uma cota de 250 metros), até à foz na Praia das Maçãs. Os principais dos seus 179 afluentes são a Ribeira da Portela; a Ribeira da Pena; a Ribeira do Almagre; a Ribeira de Morelinho; a Ribeira de Sintra; a Ribeira dos Capuchos; a Ribeira de Nafarros; a Ribeira de Mucifal; a Ribeira da Urca e Ribeira de Janas.O fenómeno de ocorrência de cheias na bacia de Colares tem uma probabilidade de ocorrência elevada.
Apesar da bacia de Colares não apresentar muitos dias de chuva ao longo do ano hidrológico, apresenta chuvas fortes e concentradas que dão lugar a cheias rápidas. A própria forma da bacia apresenta um conjunto de características físicas que acentuam a perigosidade da ocorrência de cheias.

O elevado perigo de cheias da Ribeira de Colares diz respeito a precipitações intensas e de curta duração.
A bacia de Colares encontra-se inserida numa zona de carisma rural, observando-se ao longo do curso de água principal algumas casas dispersas e pequenos aglomerados populacionais. Ao longo de toda a linha de água pode observar-se uma variedade grande de campos de cultivo, excepção feita aos afluentes que nascem no alto da serra que percorrem zonas de densa floresta.

Para a ribeira drenam as águas tratadas de duas ETARs (Estações de Tratamento de Águas Residuais), a ETAR de Colares Sistema 1, que drena directamente para a Ribeira de Colares em Alto Banzão e a ETAR de Colares Sistema 2, que drena para a Ribeira de Madre Deus, junto à Várzea de Sintra.

Imagem das últimas cheias. Entretanto já houve obras de requalificação que vão melhorar o escoamento da água da chuva.

Ribeiras do concelho de Sintra no www.cm-sintra.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:19

10:15 – Desfile com 11 bandas filarmónicas do concelho.
Início no Jardim do Soldado Desconhecido, passando pela Rua Dr. Alfredo Costa, Largo Dr. Vergílio Horta, terminando nos Paços do Concelho - Sintra.
10:30 – Hastear da Bandeira com 11 bandas do concelho ao som do Hino nacional tocado por mais de 500 músicos.
Paços do Concelho - Sintra.
10:45 – Desfile com 11 bandas filarmónicas do concelho.
Volta do Duche - Sintra.
11:00 – Concentração das 11 bandas filarmónicas do concelho para tocar o Hino de Sintra.

As Bandas da freguesia de Colares, nomeadamente de Almoçageme, Colares e Mucifal irão integrar esta comemoração, estando previsto um desfile e actuação conjunta de todas as Bandas presentes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:45


Mais sobre mim

foto do autor








Comunique e envie os seus comentários, o que gostou, o que acha que está mal, etc.


Colares, blog da semana!

Muzicons.com





Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

subscrever feeds